Richard Drew/AP Photo
Richard Drew/AP Photo

Homem é impedido de entrar em catedral de Nova York com galões de gasolina

Após incêndio que destruiu parte da catedral de Notre Dame, em Paris, polícia prendeu o homem que tentou entrar na catedral de St. Patrick

AP, O Estado de S.Paulo

18 de abril de 2019 | 03h47

NOVA YORK - Um homem foi preso ao entrar na catedral de St. Patrick, em Nova York, portando galões de gasolina, líquido para acender fogo e um isqueiro. O incidente aconteceu dias depois de um incêndio destruir parte da catedral de Notre Dame, em Paris.

"É difícil dizer precisamente quais eram as intenções dele", falou Miller. "Acredito, porém, que é preocupante o fato de um indivíduo entrar em um local icônico com galões de gasolina, líquido para acender fogo e isqueiro."

O comissário de inteligência e contra-terrorismo da Polícia de Nova York John Miller disse que, por volta das 20h (21h no horário de Brasília) dessa quarta-feira, 17, o homem não-identificado desceu de uma van e caminhou ao redor da igreja. Voltou ao veículo, pegou o equipamento com potencial para causar um incêndio e entrou na catedral.

O homem teria sido abordado por um segurança da igreja, que chamou a Polícia. O homem negou que tivesse intenções violentas, e alegou que seu carro havia ficado sem combustível. Ao constatar que o veículo estava abastecido, a Polícia prendeu o homem. "Sua história não é consistente", explicou Miller.

A presença policial foi reforçada nas proximidades da catedral de St. Patrick. Construída em 1878, a edificação foi restaurada recentemente e recebeu intervenções para prevenção de incêndios.

Tudo o que sabemos sobre:
igrejaNova York [Estados Unidos]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.