Huckabee se diz 'espantado e animado' por vitória em Iowa

Para ele, vitória representa que a 'política do EUA está nas mãos do povo' e não dos que oferecem dinheiro

Efe,

04 de janeiro de 2008 | 02h52

Mike Huckabee, o ex-governador de Arkansas que venceu o "caucus" republicanos de Iowa, na madrugada desta sexta-feira, 4, disse estar "espantado e animado" pelo sucesso conseguido, mas destacou que "a vitória só termina na Casa Branca, dentro de um ano". Veja também:Obama e Huckabee saem na frente na sucessão de BushPatrícia: o príncipe e a desolação branca Cobertura completa das eleições nos EUA Entenda como funcionam as prévias de Iowa Conheça os pré-candidatos  O político conservador, que ganhou presença nacional durante a campanha em Iowa, destacou que a sua vitória demonstra que o dinheiro nas campanhas eleitorais não é tudo. Foi uma alfinetada nas campanhas milionárias de alguns de seus rivais. "Demonstramos que a política nos Estados Unidos está nas mãos de seu povo, e não nas dos que oferecem o dinheiro", disse Huckabee, até o momento muito menos eficiente que alguns de seus adversários na arrecadação de fundos. Huckabee disse que o resultado em Iowa demonstra que "a política não é uma coisa pessoal, mas algo coletivo". O ex-governador também prometeu que, caso seja eleito presidente, será "parte da classe que presta os seus serviços" sob a autoridade "da população, que é a classe que manda". Huckabee conseguiu 34% contra Mitt Romney. Fred Thompson e John McCain empataram em terceiro lugar, com 13% dos votos. Barack Obama obteve 38% dos votos democratas; Edwards, 30% e Hillary, 29%.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.