Irã diz que discurso de Barack Obama é 'inaceitável'

Em evento pró-Israel, candidato democrata prometeu 'eliminar a ameaça' representada por Teerã

Agências internacionais,

05 de junho de 2008 | 15h29

O ministério iraniano das Relações Exteriores classificou nesta quinta-feira, 5, como "inaceitáveis" as declarações do candidato democrata à Presidência americana Barack Obama sobre o Irã. Na quarta, o senador democrata prometeu "eliminar a ameaça" representada pelo Irã. "Não há dúvidas de que o programa nuclear iraniano é de natureza pacífica", declarou o porta-voz da chancelaria, Mohammad Ali Hosseini, segundo a agência France Presse. Veja também:Como candidato democrata, Obama ataca o Irã e defende IsraelConheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA  Falando pela primeira vez após declarar vitória nas prévias democratas, Obama disse na conferência do Comitê Americano de Assuntos Públicos de Israel que "não há ameaça maior para Israel e para a paz e estabilidade da região do que o Irã". "O perigo que vem do Irã é grave, é real, e meu objetivo é eliminar essa ameaça", completou. Para o governo iraniano, as declarações do presidenciável americano "são evidentemente parciais, fantasiosas e contrárias a natureza do programa nuclear."

Tudo o que sabemos sobre:
Barack Obamaeleições nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.