John McCain conquista apoio do Governador da Flórida

Nos últimos dias, o senador, de 71 anos, obteve o apoio de vários dirigentes políticos do estado sulista

EFE

27 de janeiro de 2008 | 02h03

As aspirações do senador republicano John McCain em vencer as primárias de seu partido na Flórida, na terça-feira, foram reforçadas hoje com o respaldo explícito que lhe deu o Governador do estado, Charlie Crist. "Todos os que aspiram alçar-se com a candidatura republicana são bons, mas quando penso em quem vou votar na próxima terça-feira, na pessoa mais capaz para ser presidente, só há uma pessoa, John McCain", disse neste sábado o governador em um ato público. Nos últimos dias, o senador, de 71 anos, obteve o apoio de vários dirigentes políticos deste estado sulista, o que lhe permitiu reforçar sua posição nas primárias de terça-feira, nas quais parte como favorito. Na sexta-feira, o senador Mel Martínez, de ascendência cubana, deu seu apoio explícito a McCain, o que significou um duro golpe para o ex-prefeito de Nova York Rudolph Giuliani, que deseja abocanhar o amplo voto da comunidade hispânica na Flórida. Giuliani está tentando obter um bom resultado na Flórida depois que, deliberadamente, decidiu ignorar os primeiros estados que foram votar, o que lhe deixou bem atrás nas pesquisas. Todos os observadores acreditam que Giuliani ficará em uma posição muito desfavorável se, após investir tanto dinheiro e esforço na Flórida, não sair vitorioso nas primárias de terça-feira.  As pesquisas não são muito favoráveis, já que lhe situam em terceiro lugar, com 18% dos votos, atrás de McCain e do ex-governador Mitt Romney, que estão empatados com 26%.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições EUAJohn McCain

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.