McCain defende Sarah Palin e a compara a Reagan e Clinton

Republicano cita trabalho de sua vice como prefeita e governadora diante das críticas sobre inexperiência

Efe,

01 de outubro de 2008 | 17h36

O candidato republicano à Casa Branca, John McCain, defendeu nesta quarta-feira, 1, as credenciais de sua candidata a vice, Sarah Palin, em uma tensa reunião com jornalistas do jornal The Des Moines Register, do Estado de Iowa. Uma das jornalistas perguntou a McCain por que ele havia escolhido a governadora do Alasca, um pessoa, segundo ela, "que não tem muita experiência". "Discordo com o princípio de que não tem experiência", disse McCain, que citou o trabalho de Palin como prefeita e governadora.   McCain comparou sua vice aos presidentes Ronald Reagan (1981-1989) e Bill Clinton (1993-2001), ambos governadores antes de serem escolhidos presidentes, embora Reagan tenha governado a Califórnia durante oito anos e Clinton, o Arkansas, ao longo de 12.     Veja também: Para analistas, futuro de Palin estará em jogo no debate de 5ª Obama lidera em três Estados-chave Petrolífera pagou estudo de Palin contra urso polar Debates antigos mostram uma Palin vaga e confiante Obama x McCain Entenda o processo eleitoral   Cobertura completa das eleições nos EUA   McCain adotou posteriormente um tom sarcástico quando um dos presentes ao encontro sugeriu que a falta de experiência de Palin preocupa alguns eleitores conservadores. "De verdade? Eu não notei nada disso e não notei nas pesquisas e entre as bases" do partido, argumentou.   Palin participará na quinta-feira de um debate com o candidato democrata à Vice-Presidência, Joseph Biden, no primeiro e único encontro entre os dois até as eleições de 4 de novembro. O evento pode ser decisivo para a vice de McCain, que enfrenta dúvidas até mesmo dentro de seu partido sobre se estaria pronta para o cargo.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.