'NYT' admite publicação de carta falsa sobre Caroline Kennedy

No documento, o prefeito de Paris supostamente criticava a intenção de Caroline se tornar senadora nos EUA

EFE

23 de dezembro de 2008 | 04h10

O jornal 'The New York Times' admitiu nesta segunda-feira que publicou uma carta falsa na qual o prefeito de Paris, Bertrand Delanoë, supostamente criticava a intenção de Caroline Kennedy de se tornar senadora nos Estados Unidos.   O prestigioso jornal assegurou em sua edição digital que não há comprovações suficientes para determinar a autenticidade de um escrito no qual supostamente o prefeito dizia que as intenções da americana eram "surpreendentes e pouco democráticas".   Caroline, filha do ex-presidente John F. Kennedy, iniciou uma série de contatos para obter apoio em sua tentativa de ocupar no Senado dos Estados Unidos o cargo de Hillary Clinton, que assumirá como secretaria de Estado no futuro Governo de Barack Obama.   "Com todo o respeito e admiração que tenho por seu pai, vejo sua tentativa como de muito mau gosto (...) na minha opinião, ela não está qualificada para a vaga da senadora Clinton", dizia a carta.   "Esta carta é falsa e não deveria ter sido publicada", reconheceu o 'New York Times' em seu site, no qual explicou que o documento chegou por e-mail e que não se comprovou convenientemente sua autenticidade.   O diário afirmou ainda que vai revisar seus procedimentos internos para evitar que algo assim se repita.

Tudo o que sabemos sobre:
Caroline Kennedy

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.