Obama 'esmaga' Hillary Clinton, diz pesquisa de boca-de-urna

Cerca de metade dos eleitores que foram às urnas eram negros, e 80% desses votaram no senador

Associated Press,

26 de janeiro de 2008 | 22h33

Barack Obama esmagou Hillary Rodham Clinton na primária do Partido Democrata do Estado da Carolina do Sul, uma disputa marcada por questões raciais. Com isso, o senador ganha impulso para a grande disputa de 5 de fevereiro, que envolverá Estados de todo o território americano.   As eleições americanas   O ex-senador john Edwards ficou em terceiro, um grave revés no Estado onde nasceu e onde venceu a primária em uma campanha presidencial anterior, quatro anos atrás. Os resultados são de pesquisa de boca-de-urna realizada para a Associated Press.   Resultados oficiais de 24% dos distritos do Estado, disponíveis pouco depois das 23h, dão Obama na frente xom 53% dos votos, Hillary com 27% e Edwards com 19%.   Cerca de metade dos eleitores que foram às urnas eram negros, de acordo com entrevistas realizadas nos locais de votação, e 80% desses apoiaram Obama. Mulheres negras compareceram em grande número.  Obama teve 25% do voto dos brancos, e Clinton e Edwrads dividiram o restante.    A vitória, se confirmada, será  a primeira de Obama desde a disputa inicial em Iowa. Hillary conseguiu uma virada em New Hampshire, e os dois candidatos dividiram o resultado da disputa em Nevada. A ex-primeira-dama espera se tornar a primeira mulher a ganhar a Casa Branca, e Obama é o mais forte candidato negro na história.   A disputa na Carolina do Sul marca o fim da primeira fase das primárias democratas, onde a disputa se deu isoladamente, por Estado, e com poucos delegados à convenção nacional do partido em jogo. Isso tudo muda dentro de dez dias, quando Nova York, Illinois e Califórnia, juntamnete com 12 outros Estados, realizam uma espécie de primária nacional. Atualiazada às 23h18, com resultados parciais

Tudo o que sabemos sobre:
eleições nos eua

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.