Obama tem vantagem de 16 pontos na Flórida, diz pesquisa

Democrata ultrapassa rival republicano John McCain e atrai o disputado voto hispânico, aponta enquete

Efe,

24 de junho de 2008 | 18h39

O candidato democrata à Casa Branca, Barack Obama, supera em 16 pontos percentuais seu rival adversário republicano, John McCain, no sul da Flórida, e tem uma ligeira vantagem entre os eleitores hispânicos, conforme aponta uma enquete publicada nesta terça-feira, 24, pelo jornal The Miami Herald.   Veja também: Campanha de Obama critica McCain por usar 'política do medo' Ex-carcereiro de McCain diz que votaria no republicano Conheça a trajetória dos candidatos Cobertura completa das eleições nos EUA    A pesquisa, elaborada pela empresa Zogby International, diz que o senador democrata tem 46% das intenções de voto, contra 30% de McCain nos condados de Miami-Dade, Broward e Palm Beach, três dos maiores e mais importantes da Flórida.   "A vantagem de 16 pontos de Obama no sul da Flórida poderia servir de trampolim para ele" e "tornar muito apertada a disputa no estado", disse o pesquisador John Zogby, que se mostrou convencido de que a Flórida terá um papel crucial nas eleições presidenciais de 4 de novembro.   As primárias da Flórida, assim como as de Michigan, realizadas em 5 de fevereiro, foram declaradas nulas pela direção do Partido Democrata por ter se antecipado ao calendário oficial. Com isso, Obama não fez campanha em nenhum dos dois estados.   De acordo com a pesquisa, entre os hispânicos, Obama tem nos três condados citados uma vantagem de cinco pontos percentuais - 40 a 35 - frente a McCain.   O Miami Herald diz que a partir de 2006, a tendência dos hispânicos a votar pelo Partido Republicano mudou e começou a favorecer os democratas. Uma tendência que, segundo Zogby, vem a confirmar a "profunda raiva que os hispânicos sentem em relação ao Partido Republicano."   Para Zogby, no caso de os democratas obterem 65% dos votos hispânicos na Flórida, será uma vantagem impossível de ser neutralizada pelo Partido Republicano.   O voto do sul da Flórida costuma ser para os candidatos democratas, mas a vantagem de Obama no condado de Miami-Dade é ainda superior à estreita margem de vitória que candidato democrata nas eleições de 2004, John Kerry, obteve.   A enquete também aponta que Obama tem vantagem de 13 pontos - 33 contra 20 - em relação a McCain entre os eleitores independentes. A pesquisa foi realizada entre 18 e 20 de junho e recolheu a opinião de 807 pessoas. A margem de erro é de 3,5%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.