Eric Thayer / The New York Times
Eric Thayer / The New York Times

Vice-presidente dos EUA nega que concorrerá à presidência em 2020

Mike Pence divulgou comunicado qualificando como 'categoricamente falsas' as alegações de reportagem do “New York Times” segundo a qual ele estaria se preparando para ser o candidato republicano caso Trump não possa ou não queira continuar no cargo

O Estado de S. Paulo

07 Agosto 2017 | 04h29
Atualizado 07 Agosto 2017 | 09h50

WASHINGTON - O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, negou no domingo a sugestão de um artigo do jornal The New York Times de que ele estaria de olho na sucessão presidencial de 2020.

"As alegações neste artigo são categoricamente falsas e representam apenas a mais recente tentativa da mídia de dividir esta administração", afirmou Pence em comunicado.

O artigo do New York Times afirma que alguns republicanos estão se movimentando para organizar uma campanha para 2020 em que o presidente Donald Trump não estaria envolvido. O jornal disse que vários assessores de Pence "já indicaram aos doadores do partido que ele planeja concorrer se Trump não o fizer".

Trump não dá sinais de que deixará de concorrer como candidato republicano em 2020. A atitude do presidente contrasta com seu primeiro semestre na Casa Branca, dominado por crises e turbulências internas e externas, controvérsias legislativas e investigações contra ele e sua família.

O fato de Mike Pence ter comentado oficialmente a respeito de uma matéria sobre si é um caso incomum. No comunicado, o vice-presidente sinalizou que sua equipe “concentrará todos os esforços no avanço da agenda do presidente [Trump] e espera vê-lo se reelegendo em 2020”. 

A assessora especial da Casa Branca, Kellyanne Conway, também saiu em defesa dos políticos. “O vice-presidente Pence é muito leal e responsável, mas também é incrivelmente efetivo e ativo com Trump”, afirmou em entrevista ao canal de TV ABC. / REUTERS e AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.