Aeroporto londrino reabre após acidente com avião da BA

Aeronave da British Airways fez pouso forçado depois de um dos trens de pouso quebrar; não há vítimas

Efe,

14 de fevereiro de 2009 | 08h55

O aeroporto London City, na capital britânica, foi reaberto neste sábado, 14, depois que na sexta-feira um avião da British Airways (BA) sofreu a quebra do trem de pouso dianteiro, em um incidente no qual não houve feridos graves. "Retomamos as operações com normalidade. Haverá alguns atrasos menores porque vários aviões com voos programados tiveram que ser desviados ontem para outros aeroportos de Londres", disse uma porta-voz do aeroporto London City. O incidente ocorreu por volta das 17h40 de Brasília, quando o voo BA8456, procedente de Amsterdã, aterrissou neste aeroporto e as rodas dianteiras do trem de pouso quebraram. Após a aterrissagem, a aeronave deslizou até parar na própria pista de aterrissagem, para onde foram os serviços de emergência do aeroporto, que não tiveram que intervir. Seis ambulâncias foram ao local e as equipes médicas atenderam três dos 67 passageiros que estavam a bordo por causa de alguns cortes e pancadas que sofreram durante a retirada. Em comunicado, a British Airways afirmou que, "infelizmente, um passageiro sofreu um ferimento de pouca consideração e foi levado a um hospital. Não houve mais feridos de consideração". O London City é um pequeno aeroporto que fica muito perto do centro financeiro da capital britânica e é normalmente utilizado por executivos que realizam viagens dentro do Reino Unido ou aos países europeus mais próximos.

Tudo o que sabemos sobre:
acidente aéreoLondres

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.