Al-Qaeda está planejando ataques na Alemanha, diz jornal

'O perigo de ataques terroristas aqui é real', disse o vice-ministro do Interior, August Hanning

REUTERS

21 Julho 2007 | 16h18

Autoridades alemãs acreditam que a Al-Qaeda esteja planejando ataques terroristas na Alemanha, e que islamistas alemães tenham viajado até o Paquistão para "treinamento terrorista", afirmou um alto funcionário da segurança a um jornal.Numa prévia do artigo que será publicado domingo, o vice-ministro do Interior da Alemanha, August Hanning, afirmou: "O perigo de ataques terroristas aqui é real.""Temos muitos indícios de que a Al-Qaeda tenha como alvo a Alemanha e instalações alemãs no exterior, tais como embaixadas", Hanning disse ao Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung. "Há uma nova qualidade na ameaça à Alemanha."No mês passado, o ministro do Interior alemão, Wolfgang Schaeuble, disse que as autoridades tinham de ser mais vigilantes devido à possibilidade de militantes tentarem realizar ataques suicidas em território alemão.Em abril, a embaixada dos EUA em Berlim anunciou a intensificação da segurança em suas instalações na Alemanha, em resposta ao que foi descrito como aumento da ameaça de terrorismo.Hanning, ex-chefe da agência de inteligência internacional alemã, a BND, também disse que islamistas alemães vêm sendo treinados no Paquistão. Três islamistas alemães treinados naquele país voltaram à Alemanha no início de junho, disse ele."Temos de assumir que as pessoas que retornaram do Paquistão estão planejando atentados", disse ele. "Essa é uma ameaça nova, específica, e causa de preocupação." (Por Louis Charbonneau)

Mais conteúdo sobre:
ALEMANHAALQAEDA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.