AP
AP

Alemanha aguarda eleições sob ameaça de ataque terrorista

Policiais e blindados protegem aeroportos; vídeo divulgado na internet sugeriu 'despertar doloroso' após pleito

estadao.com.br,

24 de setembro de 2009 | 10h10

A polícia alemã está em estado de alerta nesta quinta-feira, 24, em todo o país, após indícios de possíveis ataques de extremistas por causa das eleições que ocorrem no final de semana, segundo informações da agência de notícias AFP.

 

Equipes de policiais com armamento pesado foram enviadas para aeroportos e estações de trem e veículos blindados podem ser vistos nas estradas, incluindo a que dá acesso ao aeroporto de Frankfurt, um dos mais movimentados da Europa.

 

O Departamento de Estado americano divulgou na quarta-feira, 23, uma advertência aos seus cidadão para que ficassem alerta em caso de viagem à Alemanha, informando que a rede Al Qaeda havia divulgado recentemente um vídeo ameaçando atacar vários países, inclusive a Alemanha.

 

No vídeo, gravado em alemão e difundido na internet há cerca de 10 dias, um homem que se apresenta como Abu Talha afirma que os alemães teriam "um despertar doloroso" depois das eleições no domingo, 27, em caso de vitória da atual chanceler, Angela Merkel.

 

A Alemanha, que tem aproximadamente 4.200 soldados no Afeganistão, nunca sofreu ataques de extremistas islâmicos, mas a polícia já descobriu diversos supostos planos de atentados, que se somam às advertências divulgadas na internet.

Tudo o que sabemos sobre:
alemanhaterrorismoeleiçõesal qaeda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.