Alemanha comemora a renovação do mandato da ONU no Afeganistão

O ministro acrescentou que é especialmente importante contar com uma boa coordenação das tarefas

EFE,

21 de março de 2008 | 07h23

O ministro de Assuntos Exteriores alemão, Frank-Walter Steinmeier, comemorou nesta sexta-feira a renovação por parte da ONU do mandato no Afeganistão e a qualificou de "sinal correto no momento acertado". Em comunicado divulgado por seu Ministério, Steinmeier ressaltou que a decisão do Conselho de Segurança da ONU evidencia a vontade da comunidade internacional de levar a missão a bom termo. O ministro acrescentou que em um momento em que os esforços pela reconstrução civil ganham maior relevância é especialmente importante contar com uma boa coordenação das tarefas. Insistiu em que o objetivo no Afeganistão deve ser ajudar o Governo afegão na reconstrução civil e na criação de estruturas de segurança próprias. "Para que isto possa funcionar é necessário que façamos um balanço sincero da situação durante a conferência sobre o Afeganistão que será realizada em Paris", concluiu Steinmeier. O Conselho de Segurança da ONU aprovou ontem uma resolução que amplia por um ano o mandato da Missão de Assistência no Afeganistão (Unama).

Tudo o que sabemos sobre:
AFEGANISTÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.