Alemão é acusado de ter 7 filhos com a enteada

Um alemão de 48 anos aparecerá diante do tribunal na próxima semana, acusado de abusar sexualmente de sua enteada por mais de duas décadas e de ter ao menos sete filhos com ela, disse um porta-voz do tribunal nesta quinta-feira.

REUTERS

10 de fevereiro de 2011 | 11h05

O homem, identificado como Detlef S. do vilarejo de Fluterschen, no oeste da Alemanha, também é acusado de abusar de sua própria filha e de um enteado, e de obrigar suas duas filhas a se prostituir.

O porta-voz disse que exames de DNA indicavam que o homem é pai de ao menos sete filhos de sua enteada. Acredita-se que outra criança, de quem ele também pode ter sido pai, já morreu.

Detlef S. está detido pela polícia desde agosto e comparecerá ao tribunal na cidade de Koblenz no dia 15 de fevereiro. Ele teria cometido os abusos entre 1987 e 2010.

(Reportagem de Michael Nienaber)

Tudo o que sabemos sobre:
ALEMANHAABUSOTRIBUNAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.