Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Ameaça via chat fecha escola na Alemanha 2 dias após massacre

A polícia isolou uma escola no sudoeste da Alemanha nesta sexta-feira depois de tomar conhecimento do anúncio, em uma sala de bate-papo da Internet, de que um ataque armado estava planejado para o local, apenas dois dias após o tiroteio em uma escola na região.

REUTERS

13 de março de 2009 | 08h46

Autoridades têm estado de alerta desde que um garoto de 17 anos matou a tiros 15 pessoas, muitas delas em sua ex-escola na cidade de Winnenden, sudoeste da Alemanha, na última quarta-feira.

Professores e alunos foram impedidos de entrar nesta manhã na escola em Ilsfed, perto da cidade de Heilbronn, disse uma porta-voz da polícia.

Nada suspeito foi encontrado, e a polícia depois liberou a escola.

(Reportagem de Oliver Denzer)

Tudo o que sabemos sobre:
ALEMANHAPOLICIAESCOLA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.