Ao menos 8 morrem em explosão de van em região curda na Turquia

Ao menos oito pessoas morreram e três ficaram feridas quando um dispositivo explodiu, destruindo uma van no sudeste da Turquia nesta quinta-feira, disseram autoridades locais.

REUTERS

16 de setembro de 2010 | 09h16

A explosão ocorreu próximo ao vilarejo de Gecitli, na província de Hakkari, que fica perto da fronteira com o Iraque e o Irã.

Mas Resul Kaya, o prefeito da cidade próxima de Durankaya, disse à Reuters que nove pessoas morreram quando uma van atingiu uma mina terrestre. Segundo autoridades de segurança, teria sido um dispositivo explosivo controlado remotamente e deixado na rua.

Militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), um grupo separatista, já realizaram ataques semelhantes no passado.

No entanto, tais ataques geralmente tinham alvos militares e, no mês passado, o PKK declarou um cessar-fogo que vence no dia 20 de setembro.

Antes do atua````l cessar-fogo, uma onda de violência entre as forças militares e os rebeldes abalou a região. A violência aumentou a partir de junho, quando o PKK encerrou uma trégua unilateral de 14 meses estabelecida anteriormente.

Alguns milhares de guerrilheiros do PKK estão abrigados nas montanhas no norte do Iraque, onde lançam ataques frequentes contra a região sudeste da Turquia.

O grupo iniciou ações armadas contra a Turquia em 1984. Mais de 40 mil pessoas, principalmente curdos, morreram depois disso nos confrontos.

(Reportagem de Seyhmus Cakan)

Tudo o que sabemos sobre:
TURQUIAVANEXPLODE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.