Berlusconi caminha para derrota em referendos na Itália

O primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, caminha para uma pesada derrota nesta segunda-feira em referendos sobre energia nuclear, privatização no setor de abastecimento de água e imunidade jurídica para ministros, mostraram dados oficiais.

REUTERS

13 de junho de 2011 | 12h13

Com 83 por cento dos votos apurados, o comparecimento às urnas está em 57 por cento em todos os quatro referendos, indicando que o quórum mínimo superior a 50 por cento será facilmente alcançado.

Tudo o que sabemos sobre:
ITALIABERLUSCONIDERROTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.