Efe
Efe

Brown exige limpeza profunda do sistema político britânico

Premiê se pronuncia sobre escândalo de abusos de gastos de deputados e membros do governo trabalhista

AP,

18 de maio de 2009 | 11h55

O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, defendeu uma limpeza profunda no parlamento do Reino Unido após a renúncia de um dos membros mais antigos do Legislativo devido a um escândalo de corrupção.

Em entrevista a um canal de TV nesta segunda-feira, 18, o premiê se disse chocado com o escândalo de gastos de deputados. " Tenho esperanças de que conseguiremos um consenso neste país sobre a necessidade de uma limpeza do sistema político".

O escândalo corroeu a apoio da população aos partidos políticos, especialmente ao Trabalhista, no poder desde 1997.

Brown veio a público após o líder da oposição, David Cameron, fazer críticas pesadas aos abusos de seu partido, o Conservador.

O gabinete do primeiro-ministro deve anunciar também os gastos de todos os ministros na próxima semana.

O jornal 'Daily Telegraph' obteve dados de políticos que compraram de piscinas a comida para cachorro. Dois deputados e um ministro do Partido Trabalhista já caíram após o escândalo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.