Nicolas Sarkozy estende as mãos para eleitores
Nicolas Sarkozy estende as mãos para eleitores

Cai vantagem de Hollande sobre Sarkozy em pesquisas

Presidente, candidato a um segundo mandato, cresceu três pontos percentuais em duas semanas, para o segundo turno

Reuters, REUTERS

28 Março 2012 | 19h51

PARIS - Duas pesquisas divulgadas nesta quarta-feira, 28, mostraram o presidente conservador Nicolas Sarkozy como líder nas intenções de voto para a eleição presidencial de abril e uma redução da vantagem do socialista François Hollande na simulação para o segundo turno, em maio.

 

No levantamento TNS-Sofres/Sopra, Sarkozy aparece com 29% das intenções de voto, 1 ponto à frente de Hollande.

O presidente, candidato a um segundo mandato, cresceu três pontos percentuais em duas semanas, enquanto Hollande caiu dois.

A pesquisa, que ouviu mil pessoas, foi feita na segunda e terça-feira, ainda sob o impacto da caçada policial ao militante islâmico Mohamed Merah, que matou três soldados, um rabino e três crianças judias neste mês no sul da França. Merah acabou sendo morto por policiais depois de um cerco de 30 horas na quinta-feira passada.

A outra pesquisa, do instituto CSA, mostrou Sarkozy consolidando sua vantagem no primeiro turno. Ele se manteve com os mesmos 30 por cento que tinha em fevereiro, enquanto Hollande caiu de 28 para 26.

Ambas as pesquisas mostram Sarkozy reduzindo a vantagem de Hollande no segundo turno.

No levantamento TNS-Sofres, a vantagem do socialista caiu de 16 para 10 pontos percentuais (é agora de 55 x 45 por cento).

O CSA estima uma disputa ainda mais acirrada, com a vantagem de Hollande caindo de 8 para 6 pontos (53 x 47).

Analistas dizem que Sarkozy tem crescido porque o incidente com Merah o permitiu encarnar o seu personagem favorito, o de "primeiro-policial" do país.

Mais conteúdo sobre:
FRANCA PESQUISAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.