Chuvas matam ao menos 14 pessoas na Romênia

Duas pessoas estão desaparecidas; previsão é que chuva continuará nos próximos dias

Efe,

29 de junho de 2010 | 17h31

BUCARESTE- Ao menos 14 pessoas morreram nas últimas 24 horas e duas estão desaparecidas devido às inundações provocadas pelas chuvas torrenciais na Romênia, anunciou nesta terça-feira, 29, o ministro do Interior, Vasile Blaga.

 

As autoridades locais confirmaram que as vítimas foram arrastadas pela força da correnteza depois que vários rios transbordaram na noite de segunda.

 

As fortes chuvas alagaram várias casas e obrigaram a evacuação de dezenas de localidades nas regiões de Botosani e Suceava.

 

"A situação é trágica, os danos são inimagináveis", disse à imprensa o presidente da província de Suceava, Gheorghe Flutur.

 

Centenas de bombeiros, policiais e militares trabalham para atenuar os efeitos das chuvas e evitar novas catástrofes.

 

Os serviços de meteorologia acreditam que a chuva seguirá caindo com força nos próximos dias no noroeste do país, onde as autoridades declararam alerta amarelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.