Ciberataque contra blogueiro da Geórgia derrubou o Twitter

Cyxymu diz que ação teve motivação política por sua sua postura crítica contra o governo russo pela guerra

07 de agosto de 2009 | 12h58

undefinedO ataque hacker que atingiu os sites Twitter, Facebook e LiveJournal na última quinta-feira, 7, tinham como alvo um usuário da Geórgia, segundo afirmou o chefe de segurança do site de relacionamentos Facebook, Max Kelly. Segundo a CNN, o blogueiro georgiano conhecido como Cyxymu afirmou que o ciberataque foi politicamente motivado e agendado para coincidir com o aniversário de um ano da Guerra da Geórgia, lembrado nesta sexta.

 

Veja também:

linkGeórgia e Ossétia do Sul marcam 1º aniversário de guerra

 

O usuário Cyxymu, que identificou ao canal como George, acredita que seus posts, com críticas explícitas ao Kremlin, podem ter incentivado a ofensiva online. Segundo o diário britânico The Guardian, Cyxymu afirma que a queda de serviço dos sites foi um plano do governo russo para calar suas críticas à política internacional da Rússia e da postura do país em relação à Ossétia do Sul, região da fronteira com a Geórgia. O blogueiro possui perfis em todos os sites afetados com o mesmo nome, todos atacados na véspera.

 

"Talvez (o ataque) tenha sido executado por pequenos hackers, mas eu tenho certeza que a ordem veio do governo russo", disse o blogueiro, cujo nome de usuário é “o nome de minha cidade natal, a capital da Abkázia (Sokhum), escrita em russo e digitada em caracteres latinos”.

 

"Um ataque de tal dimensão que afetou três provedores mundiais com inúmeros servidores só poderia ser organizado por alguém com uma grande capacidade", acrescentou. Os três sites ficaram temporariamente fora do ar, o que causou problemas no sistema dos servidores. George diz que é palestrante de economia de 34 anos e teria sido vítima de um ataque similar no ano passado. O blogueiro disse que começou seu blog com o objetivo de unir georgianos que viviam em Sukhumi e foram forçados a fugir em 1993 quando a Abhkazia se separou da Geórgia.

 

Cyxymu se disse "lisonjeado" quando percebeu que seu último texto no blog, "Sukhumi, guerra e dor", aparentemente desencadeou um problema mundial na rede. "Eu não esperava que o ataque seria contra mim, não sou tão famoso", disse. "Começou quando centenas de milhares de e-mails ,supostamente enviados por mim para todo o mundo, convidando os usuários a entrarem em um dos meus blogs. Então várias pessoas o visitaram, causando problemas de congestionamento no servidor, e o Livejournal teve de bloqueá-lo. A mesma coisa aconteceu com o Facebook e com o Twitter", explicou.

 

Segundo o Facebook, uma redes de computadores controladas por hackers foi direcionada para sobrecarregar suas páginas a um nível que teve impacto em outros usuários. Estas redes de máquinas controladas pelos hackers foram utilizadas para fazer um tipo de ataque conhecido como “recusa de serviço” (denial-of-service, em inglês). Este tipo de ataque pode ter diversas formas, mas normalmente envolve a tentativa de derrubar um determinado site inundando-o com dados.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.