Cidade alemã abole sinais de trânsito para reduzir acidentes

Novidade na Alemanha faz parte de projeto com verba da União Européia que também incentiva novas idéias

Marcelo Crescenti, BBC

12 de setembro de 2007 | 15h04

A cidade de Bohmte, no norte da Alemanha, decidiu abolir todos os semáforos, placas de trânsito e faixas de pedestres do centro da cidade para reduzir o número de acidentes.A retirada dos sinais é parte de um projeto financiado pela União Européia que visa a diminuir os acidentes de trânsito e incentivar novas idéias para o planejamento urbano.Na Alemanha, há um total de vinte milhões de sinais de trânsito, e especialistas dizem que até seis milhões deles são supérfluos e atrapalham os motoristas.O projeto "Shared Space" (espaço compartilhado) quer demonstrar que o tráfego flui melhor quando motoristas e pedestres têm que prestar mais atenção no que fazem - e não nos sinais de trânsito.No total, sete projetos-pilotos estão sendo realizados na Holanda, na Bélgica, na Dinamarca, na Grã-Bretanha e na Alemanha.Na cidade de Bohmte, o projeto inclui a remodelação de uma via central da cidade que não terá mais uma clara divisão entre rua, calçada e ciclovia.Os motoristas têm de seguir apenas duas regras: trafegar pela direita e dar preferência a carros que se aproximam vindos do lado direito.De acordo com o criador do "Shared Space", o holandês Hans Monderman, "quanto mais regras e sinais, mais complicada fica a vida dos pedestres e dos motoristas".Ele diz que, sem tantas regras, as pessoas ficam mais alertas e tomam mais cuidado com as outras.O projeto pioneiro na Alemanha deverá entrar em vigor em 2008.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
alemanhatrânsitosinalfarol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.