Coalizão de Esquerda grega recusa oferta do Partido Socialista

ATENAS - O líder do partido grego Coalizão de Esquerda (Syriza), que se posiciona contra o acordo de resgate ao país, disse que não participará de um governo de união com o líder socialista Evangelos Venizelos, que tem se reunido com diversos partidos numa tentativa de formar uma coalizão.

REUTERS

11 Maio 2012 | 14h32

Veja também:

link Conservadores aceitam participar do governo grego

link Aumentam chances de formação de governo na Grécia

"Não é a Coalizão de Esquerda que recusou essa proposta, mas o povo grego, que o fez por meio de seus votos no domingo", disse o líder do partido, Alexis Tsipras, após reunir-se com Venizelos.

Venizelos, por sua vez, não foi capaz de formar um governo de coalizão e devolverá o mandato ao presidente do país, Karolos Papoulias, no sábado, disseram fontes de seu partido.

Mais conteúdo sobre:
GRECIA TSIPRAS UNIAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.