Coalizão governamental de Vojislav Kostunica é dissolvida

Decisão foi tomada após premie sérvio anunciar sua renúncia; eleições antecipadas devem acontecer em maio

Agência Estado e Associated Press,

10 de março de 2008 | 08h59

A coalizão governamental do primeiro-ministro sérvio Vojislav Kostunica foi oficialmente dissolvida nesta segunda-feira, 11, segundo informou a agência Tanjug.   A decisão foi tomada após Kostunica anunciar no sábado, 8, que não poderia mais continuar no governo por causa das graves segregações e por causa da perda da província Kosovo.   Kostunica falhou ao tentar evitar a proximação da União Européia (UE), onde a maioria de seus membros reconhecem a independência de Kosovo.   O presidente Boris Tadic deve dispensar o Parlamento e marcar uma data para as eleições, que provavelmente acontecerão no dia 11 de maio.   Renúncia   O primeiro-ministro sérvio, Vojislav Kostunica, anunciou no sábado a sua renúncia ao afirmar que seu governo já não estava funcionando devido a uma divisão na coalizão. "Esse é o fim do governo", disse em uma coletiva de imprensa. Durante a semana, Kostunica reconheceu que o governo se encontrava em uma "profunda crise". Indiretamente, Kostunica acusou os aliados da coalizão de deixar de defender os interesses da Sérvia relacionados ao Kosovo para melhorar os laços com o Ocidente, que apoiou a secessão do território.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.