Comunistas russos apontam Zyuganov para concorrer à Presidência

O oposicionista Partido Comunista nomeouno sábado o líder Gennady Zyuganov para concorrer em março àPresidência da Rússia, em uma difícil disputa com o sucessorindicado pelo presidente Vladimir Putin. Putin apoia a candidatura do primeiro vice-premiê, DmitryMedvedev. No entanto, Zyuganov afirmou que terá uma grandechance, se a disputa for para o segundo turno. "Eu acredito que temos boas chances nestas eleições. Seforem mais ou menos justas, um segundo turno será inevitável",Zyuganov disse durante o congresso do partido. Os comunistas formam o maior partido de oposição na recenteeleita Duma, a câmara baixa do Parlamento russo, mas elestiveram apenas 12 por cento dos votos, enquanto o partido dePutin teve 65 por cento. Zyuganov, que já criticou as eleições parlamentares porterem sido as mais sujas da história, disse acreditar que oscomunistas têm pelo menos um terço dos votos. "Esse é um apoio sério e sólido", disse. Zyuganov foi ao segundo turno com Boris Yeltsin nasdisputadas eleições de 1996, mas foi derrotado por ampla margempor Putin quatro anos mais tarde. Ele não foi candidato naseleições de 2004. (Reportagem de Dmitry Solovyov)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.