Confronto entre Polícia e radicais mata 1 na Grécia

Vítima é um jovem de 16 anos e foi atingido por um tiro de um policial no centro de Atenas

Efe,

07 de dezembro de 2008 | 03h22

Um jovem de 16 anos morreu neste sábado atingido por um tiro da Polícia durante enfrentamentos entre as forças de segurança e um grupo de radicais, informou o canal de televisão estatal ET1. O incidente ocorreu esta noite no bairro de Exarhia, no centro de Atenas, quando 30 indivíduos encapuzados atacaram um veículo policial com pedras e bombas incendiárias. Segundo a Polícia, um dos agentes atirou várias vezes com intenção de afastar a multidão e uma das balas atingiu o jovem. O bairro de Exarhia é um ponto de freqüentes enfrentamentos entre grupos radicais e as forças da ordem, que originam grandes danos materiais em lojas, estabelecimentos e veículos. O ministro do Interior grego, Prokopis Pavlopoulos, condenou o fato e declarou que as causas do incidente serão investigadas.

Tudo o que sabemos sobre:
Gréciaconfronto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.