Esquiador é encontrado vivo após 17 horas debaixo da neve

Segundo a equipe de resgate, rapaz de 21 anos conseguiu sobreviver porque estaria perto de um bolsão de ar

AP,

07 de fevereiro de 2010 | 14h44

A polícia suíça informou neste domingo, 7, que um esquiador sobreviveu durante 17 horas soterrado por uma avalanche. Ele foi resgatado e apresentou apenas hipotermia moderada. Os policiais do distrito de Valais, na região Sul, disseram que o rapaz de 21 anos conseguiu sobreviver porque parecia estar perto de um bolsão de ar.

 

A família do homem havia registrado seu desaparecimento na tarde de sábado, nos arredores de Evolene, a cerca de 80 km de Genebra. A equipe de resgate encontrou o jovem a aproximadamente meio metro da superfície de neve. A polícia considerou o fato "extraordinário", já que, todos os anos, dezenas de esquiadores são mortos por avalanches na Suíça.

Tudo o que sabemos sobre:
esquiadoravalancheSuiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.