Explosão mata 19 funcionários de mina na Turquia

Uma explosão numa mina de carvão no noroeste da Turquia matou 19 trabalhadores, disse o ministro do Trabalho turco, Omer Dincer, na sexta-feira.

REUTERS

11 de dezembro de 2009 | 11h41

A mina desmoronou após uma explosão de dinamite, deixando trabalhadores presos no subterrâneo na noite de quinta-feira, disse o governador local.

"Infelizmente, os trabalhadores morreram. Os suportes estruturais desmoronaram totalmente sob o impacto da explosão", disse Dincer.

Informações divulgadas mais cedo deram conta de que o gás metano era uma das causas cogitadas pela explosão da mina na província de Bursa.

Outros mineiros e parentes das vítimas se reuniram na entrada da mina, enquanto equipes de resgate trabalhavam para recuperar os corpos, mostraram imagens da televisão.

Acidentes em minas são comuns na Turquia. O pior deles, em 1992 em Zonguldak, matou 263 trabalhadores. Desde 1941, cerca de 3.700 trabalhadores foram mortos em acidentes em minas na Turquia, segundo a emissora CNN Turk.

Os corpos de duas pessoas foram retirados da mina até o momento, disse Dincer em declarações transmitidas pela TV. Ele disse que inspeções regulares vinham sendo realizadas na mina.

Tudo o que sabemos sobre:
TURQUIAMINAMORTES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.