Fiat e governo italiano vão trabalhar juntos para melhorar competitividade

A montadora italiana Fiat e o governo italiano disseram em um comunicado conjunto depois de uma reunião de cinco horas no sábado que vão criar um grupo de trabalho para estudar formas de melhorar a competitividade.

Reuters

22 de setembro de 2012 | 17h35

O grupo também vai procurar ferramentas para "fortalecer ainda mais a estratégia de exportação do setor automotivo", segundo a nota.

Durante a reunião, a Fiat reiterou seu compromisso de continuar produzindo carros na Itália, disse o comunicado.

A decisão da montadora de adiar investimentos planejados para evitar novas perdas em um fraco mercado de automóveis provocou preocupações de que a companhia poderia deslocar a fabricação para outro lugar.

"A Fiat também confirmou sua estratégia de investir na Itália, no momento certo, para desenvolver novos produtos para aproveitar a recuperação do mercado europeu", disse o comunicado.

(Por Jennifer Clark)

Tudo o que sabemos sobre:
ITALIAFIATGOVERNO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.