Grécia pretende revisar acordo de concessão de aeroportos

A Grécia planeja "revisar" um acordo de 1,2 bilhões de euros com a operadora de aeroportos alemã Fraport para administrar 14 aeroportos regionais, disse o ministro de Estado à TV grega neste sábado.

REUTERS

14 de fevereiro de 2015 | 09h59

"Isso (o acordo) não foi selado", disse Alekos Flabouraris.

"Nós dissemos que será suspenso e que vamos revisá-lo."

A Fraport, em parceria com a empresa de energia Copelouzos, fechou acordo em 2014 com a agência de privatização grega para controlar aeroportos em populares destinos turísticos, como Corfu. Foi um dos maiores acordos de privatização da Grécia desde o início de sua crise da dívida.

(Reportagem de Karolina Tagaris)

((Tradução Redação Brasília; 55 61 34267022))

REUTERS MCM

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIAREVISAOAEROPORTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.