Grupo de 400 turistas fica preso em roda-gigante de Londres

Passageiros permaneceram durante uma hora suspensos a 135 metros do chão; ninguém ficou ferido

Agências internacionais ,

25 de março de 2008 | 09h06

Um grupo de 400 pessoas ficou preso na roda-gigante London Eye, um dos principais pontos turísticos da cidade de Londres, na noite de segunda-feira, 24. A roda teve que ser paralisada para que reparos urgentes fossem realizados, segundo informações do jornal The Guardian.   Os passageiros permaneceram durante uma hora suspensos a 135 metros do chão. Funcionários do local se comunicaram com os turistas por meio de interfones e os instruíram a abrir os suprimentos de emergência de água e comida.   Operadores encontraram problemas em um dos quatro aros que giram a roda-gigante, por volta das 18h10 da segunda-feira. Os passageiros receberam bebidas quentes e o dinheiro de volta quando conseguiram descer da roda, por volta das 19 horas.

Tudo o que sabemos sobre:
Roda-gigante London Eye

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.