Jeans de ministra causa polêmica na França

A ministra francesa da Habitação causou polêmica ao aparecer de jeans na primeira reunião do novo governo, enquanto seus colegas usavam vestidos e ternos numa cerimônia elegante no Palácio do Eliseu, em Paris.

REUTERS

18 Maio 2012 | 10h30

Cecile Duflot, de 37 anos, dirigente do Partido Verde, era a única com trajes informais na estreia do governo de François Hollande, na quinta-feira, enquanto vários dos seus 33 colegas não pouparam esforços para ficar elegantes.

A inflamada direitista Nadine Morano, que foi ministra no governo anterior, queixou-se pelo Twitter. "Pessoalmente falando, quando se é uma representante do povo francês você precisa distinguir entre as roupas para uma reunião do gabinete e a moda diletante do fim de semana", escreveu ela.

Duflot, que foi também a única integrante do gabinete a ir e voltar da reunião em transporte público, recebeu um apoio com ressalvas da ministra da Saúde, Roselyne Bachelot, também pelo Twitter.

"Francamente, se o jeans de Duflot for fabricado na França, ela fez bem em vesti-lo na reunião do gabinete".

(Reportagem de Brian Love, Patrick Vignal e Chine Labbe)

Mais conteúdo sobre:
FRANCAMINISTRAJEANS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.