Líder da oposição alemã diz que pode vencer Merkel

O ex-ministro alemão Frank-Walter Steinmeier apelou para as emoções de seu partido de oposição de centro-esquerda neste sábado com um ataque contra a coalizão da chanceler Angela Merkel e prometendo recuperar o poder na eleição do próximo ano.

Reuters

15 de setembro de 2012 | 13h59

Steinmeier, um dos três líderes do Social Democratas (SPD) na Alemanha que busca liderar o partido nas eleições de 2013 deu um discurso entusiasmado para 700 funcionários da associação política.

"Nós vamos lutar para ganhar, não para o segundo lugar", disse Steinmeier, rejeitando as suspeitas de que o SPD se contentaria como sócio minoritário em uma outra grande coalizão com os conservadores de Merkel.

O partido irá escolher um candidato em janeiro para concorrer contra Merkel na eleição prevista para setembro de 2013. Steinmeier lidera o grupo, à frente do presidente do SPD, Sigmar Gabriel e ex-ministro das Finanças, Peer Steinbrueck.

(Por Erik Kirschbaum)

Tudo o que sabemos sobre:
ALEMANHAMERKEL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.