Mascarados invadem instalações de projeto mina de ouro na Grécia

Cerca de 40 agressores mascarados invadiram as instalações de um projeto de mineração de ouro no norte da Grécia na manhã deste domingo, incendiando máquinas e ferindo quatro guardas de segurança, disse a polícia.

Reuters

17 de fevereiro de 2013 | 11h01

O projeto Skouries, na península Halkidiki, tem sido alvo de vários protestos por moradores e ativistas que se opõem fortemente à construção de uma mina de ouro porque dizem que isso iria devastar o meio ambiente.

Segundo a polícia, os agressores entraram nas instalações por volta de 12h40 de domingo no horário local (19h40 de sábado, no horário de Brasília), causando grandes danos com bombas incendiárias e líquidos inflamáveis. Vinte e sete pessoas foram detidas.

O projeto Skouries, uma mina aberta de cobre e ouro, é dirigida pela Hellas Gold, uma subsidiária da canadense Eldorado Gold, que comanda o projeto de sulfeto misto no norte da Grécia e está desenvolvendo três projetos de ouro na região.

Afundada no sexto ano de recessão, a Grécia vem lutando para atrair investimento estrangeiro que vai ajudar a estimular o crescimento da economia. Baseada em Vancouver, a Eldorado emprega cerca de 680 pessoas na Grécia e espera investir cerca de 1 bilhão de dólares nos próximos cinco anos no país.

(Por Karolina Tagaris)

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIAOURO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.