Merkel debaterá com Putin 'necessidade de mais sanções' ao Irã

Para a chanceler alemã, Alemanha e Rússia têm opiniões diferentes, mas mantém estreita cooperação

EFE

13 de outubro de 2007 | 06h13

A chanceler alemã, Angela Merkel, abordará na próxima cúpula com o presidente russo, Vladimir Putin, os "problemas internacionais", e mencionou entre outros "a necessidade de impor novas sanções ao Irã", assim como debater com o presidente russo o futuro do Kosovo. Frente à 9ª cúpula germânico-russa que será realizada no domingo e na segunda-feira em Wiesbaden (sudoeste da Alemanha), Merkel explicou na mensagem divulgada semanalmente através de seu site que "podemos defender opiniões diferentes", mas acrescentou que "nossos países mantém uma estreita cooperação". Merkel destacou a colaboração em matéria científica e tecnológica, assim como em tecnologias modernas. Ambos viajarão acompanhados de uma ampla delegação de ministros, como foi o caso na última reunião anual, que mantiveram na cidade russa de Tomsk, na Sibéria, no ano passado. Estas consultas bilaterais coincidem com o chamado "diálogo de São Petersburgo" um fórum "com uma boa tradição", lembrou Merkel, no qual representantes da sociedade civil buscarão melhorar as relações entre a União Européia (UE) e a Rússia.

Tudo o que sabemos sobre:
MerkelPutin

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.