Albert Gea/Reuters
Albert Gea/Reuters

Milhares de manifestantes protestam em Barcelona contra a detenção de Puigdemont

Ex-presidente da Catalunha, considerado fugitivo pela Espanha, foi detido na Alemanha

AFP

25 Março 2018 | 13h47

Milhares de manifestantes carregando bandeiras da Catalunha saíram às ruas de Barcelona na tarde deste domingo, 25, para protestar contra a detenção do ex-presidente da Catalunha Carlés Puigdemont na Alemanha. Convocada pelo grupo Comitê de Defesa da República, os manifestantes se encaminharam para a sede da Comissão Europeia.

Os manifestantes reivindicavam a "liberdade dos presos políticos" e gritavam "Puigdemont, nosso presidente". Já na frente da representação da comissão europeia eles gritaram: "esta Europa é uma vergonha".

Carlés Puigdemont foi detido neste domingo, na Alemanha, pouco depois de entrar de carro no país pela fronteira da Dinamarca, em virtude de um mandado europeu de prisão emitido pela Espanha, no qual é acusado formalmente por rebelião junto a outros 12 separatistas.

"O que estão fazendo com a gente é totalmente descabido. Nos tratam como criminosos por querer a independência. Já não é questão de ideologia, mas de respeito aos direitos humanos, disse aos prantos Rosa Vela, uma professora de 60 anos.

Mais conteúdo sobre:
Carles Puigdemont Catalunha [Espanha]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.