Ministro do Exterior francês faz visita surpresa ao Iraque

Esta é a primeira visita do tipo desde que a França se opôs à invasão liderada pelos EUA.

BBC Brasil, BBC

19 de agosto de 2007 | 15h38

O ministro do Exterior francês, Bernard Kouchner, chegou neste domingo a Bagdá para uma visita, a convite do presidente iraquiano, Jalal Talabani.Esta é a primeira visita ministerial francesa ao Iraque desde a invasão comandada pelos americanos, em 2003.As relações entre França e Estados Unidos melhorou significativamente desde a eleição de Nicolas Sarkozy para presidente, em maio deste ano.Em uma declaração, o Ministério do Exterior francês disse que "Bernard Kouchner está em Bagdá para expressar uma mensagem de solidariedade da França em relação ao povo iraquiano e para ouvir representantes de todas as comunidades".A visita acontece quatro anos depois do ataque à sede das Nações Unidas em Bagdá, que matou o brasileiro Sérgio Vieira de Mello, representante especial da ONU no país e amigo de Kouchner.De acordo com o correspondente da BBC em Bagdá Mike Wooldridge, a visita é altamente simbólica e revela que Sarkozy quer mostrar uma separação clara entre seu governo e o de seu predecessor, Jacques Chirac.Recentemente, Nicolas Sarkozy teve conversas informais com o presidente americano, George W. Bush e afirmou que os Estados Unidos podem "contar com sua amizade".As conversas aconteceram na propriedade da família Bush no estado americano do Maine e alguns analistas disseram que seria impossível imaginar Chirac recebendo um convite similar.Os dois países também estão trabalhando juntos em assuntos como Irã, Líbano e Sudão.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.