Missão europeia afunda navio pirata no Índico

Embarcação francesa deteve nove suspeitos

Efe, BRUXELAS

02 Maio 2010 | 09h11

Uma embarcação de guerra francesa afundou um navio pirata e deteve nove suspeitos de ações de pirataria no oceano Índico, informa neste domingo, 2, a Navofr-Atalanta, a missão da União Europeia (UE) no golfo de Áden.

 

É o segundo dia consecutivo em que um navio francês da Atalanta afunda uma embarcação pirata. Ontem, a fragata "Tonnerre"" foi responsável pela ação.

 

Segundo o comunicado, um helicóptero da fragata "Lafayette" localizou um "grupo de ação pirata" composto por um 'navio mãe' e um esquife no oceano Índico, entre Mogadíscio e as ilhas Seychelles.

 

Uma vez detectado, os suspeitos tentaram escapar e jogaram ferramentas no mar. O helicóptero precisou fazer disparos de aviso.

 

Para os responsáveis pela operação "Atalanta", as duas ações contra os piratas em 24 horas mostram um "excelente trabalho em equipe e a determinação de combate aos atos criminosos".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.