Yves Herman/Reuters
Yves Herman/Reuters

Nevasca fecha aeroportos provoca cinco mortes na Europa

Inglaterra tem atrasos em trens e escolas e rodovias fechadas; França e Bélgica também enfrentam problemas

estadao.com.br,

18 de dezembro de 2009 | 08h42

Uma forte nevasca que atingiu o nordeste da Europa nesta sexta-feira, 17, e provocou atrasos em voos no Reino Unido, França e Bélgica. Na Inglaterra, onde a situação é mais grave, trens sofreram atrasos e escolas e rodovias foram fechadas. Na Polônia, cinco pessoas morreram. 

 

O aeroporto de Gatwick, em Londres, o segundo maior do país, ficou fechado por sete horas. Ao menos 18 voos foram cancelados e vários estavam atrasados. Voos também saíram fora do horário previsto em Heathrow e Stanstead. O aeroporto de Luton também ficou fechado.

A rede ferroviária também foi afetada. Trens sofreram atrasos e cancelamentos e o metrô de Londres teve de operar com capacidade reduzida.

Diversas estradas também foram fechadas devido à neve. As autoridades britânicas recomendaram que o transporte rodoviário só seja utilizado em casos de emergência.

De acordo com o Centro de Meteorologia do Reino Unido, até 20 cm de neve podem cair no sul e leste da Inglaterra ainda hoje. De acordo com a polícia de Essex, houve 180 incidentes provocados pela neve durante a madrugada.

"Com a previsão de mais neve, recomendo que as pessoas viagem apenas se for estritamente necessário", disse Jon Dodman, chefe de operações de emergência da polícia de Essex.

 

França e Bélgica

 

Na França, ao menos 30% dos voos previstos para o aeroporto Charles de Gaulle tiveram seu horário alterado. Cerca de 900 viajantes que deveriam decolar no final da noite de quinta-feira tiveram de dormir no aeroporto, devido à lotação dos hotéis próximos por causa da temporada de natal.

VEJA TAMBÉM:
mais imagens  Fotos: imagens da neve na Europa

 

"Distribuímos colchões e cobertores, além de alimentos e os restaurantes do aeroporto ficaram abertos durante a noite", disse um porta-voz do aeroporto.

 

Na Bélgica, 100 voos foram cancelados por causa do acúmulo de neve no aeroporto de Bruxelas. Centenas de passageiros ficaram presos no saguão do terminal à espera de informações.

 

Polônia

 

Cinco pessoas morreram ontem à noite por causa da onda de frio que afeta a Polônia, com fortes nevascas e temperaturas por volta de 11 graus negativos. Segundo explicou hoje o porta-voz do Centro de Segurança Governamental, Przemyslaw Guza, as cinco pessoas morreram por congelamento, enquanto outras oito tiveram que ser hospitalizadas, vítimas de intoxicação pela fuga de monóxido de carbono de

aquecedores caseiros.

Taxista lê jornal em carro coberto pela neve em Londres. Foto: Sang Tang/AP

 

Com informações da Efe e da Reuters

Tudo o que sabemos sobre:
NeveReino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.