Morris Mac Matzen/Reuters
Morris Mac Matzen/Reuters

Neve deixa mais de 200 pessoas presas em estrada na Alemanha

Clima prejudica rotina também na Suíça, onde os voos vão ficar atrasados por mais tempo

Efe

10 de janeiro de 2010 | 08h29

Devido ao mau tempo, mais de 200 pessoas passaram a noite presas em um trecho de oito quilômetros na estrada A20, no estado de Mecklenburg-Antepomerania, leste da Alemanha.

 

Os veículos, entre eles um ônibus e 12 caminhões, ficaram presos na neve, que cobriu os carros quase por completo.

 

Segundo a Polícia, as equipes de resgate conseguiram chegar ao local pela manhã deste domingo e prestaram socorro.

 

No estado de Schleswig-Holstein, no norte alemão, vias estão fechadas devido às nevascas, o que provocou atrasos e cancelamentos até na malha ferroviária.

 

Os principais aeroportos alemães (Berlim, Munique, Düsseldorf e Hamburgo) registraram atrasos, assim como ontem. Em Frankfurt, 220 voos foram cancelados no sábado, 9.

 

A meteorologia espera que a nevasca deixe o país até amanhã. Em cidades como Kiel e Lübeck, no norte do país, a camada de neve chegava a um metro e meio.

 

Um jovem de 25 anos morreu em um acidente de carro na localidade de Übach-Palenberg (oeste). Dois veículos perderam o controle e bateram por causa do gelo.

 

As autoridades pedem à população que evite ao máximo o uso de carros, além de elevar o alerta no Mar Báltico.

 

Suíça

 

O aeroporto de Genebra, na Suíça, foi fechado neste domingo em razão da grossa camada de neve que está nas pistas, o que piorará a situação dos voos atrasados pelo mau tempo.

 

O porta-voz do aeroporto disse que o fechamento está inicialmente previsto para as primeiras horas desta tarde.

 

A situação deve ficar ainda pior porque terminam as férias escolares na Suíça, o que aumentará o número de pessoas nos aeroportos.

 

Os outros dois terminais internacionais da nação, em Zurique e na Basileia, funcionam normalmente, mas dentro das restrições pela condição climática.

 

 

 

 

Homem caminha perto das árvores cobertas de neve no oeste da Alemanha, no resort de ski de Oberhof. Foto: Christian Charisius/Reuters

Tudo o que sabemos sobre:
BerlimGenebraneve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.