Nora de Bin Laden termina casamento após ameaças

Jane Browne alega que casal foi intimidado na Arábia Saudita, além da pressão familiares do marido

Efe,

19 de setembro de 2007 | 15h04

Uma britânica de 51 anos que se casou com um dos um filhos do terrorista Osama bin Laden decidiu se divorciar após cinco meses do casamento. Jane Felix Browne justificou o fim da união citando as ameaças recebidas pelo casal na Arábia Saudita e das pressões dos familiares do marido.Jane, que se casou com Omar bin Laden, de 27 anos, disse ao jornal The Sun que os dois temiam por suas vidas. Este foi o quinto casamento da britânica. Os dois se conheceram no Egito, em abril do ano passado, enquanto montava a cavalo junto às pirâmides."As pessoas se opunham a meu casamento por ser britânica. Não estava disposta a ver o homem que amo morrer. Portanto, decidimos colocar um fim à relação", explicou Browne.A britânica insistiu em que tinha sido um bom casamento e acrescentou que esperava que sua decisão ajudasse a eliminar as pressões que Omar e sua família estão sofrendo. Segundo Jane, a família de Bin Laden tinha medo das implicações políticas dessa relação.O filho de Osama bin Laden tem um negócio em Jidá, na Arábia Saudita, e depende da rede de contatos de sua família.Em uma última tentativa de salvar seu casamento, Jane escreveu na semana passada ao rei da Arábia Saudita para solicitar seu apoio, mas não recebeu resposta alguma.Omar bin Laden, quarto filho do líder da Al-Qaeda, reconheceu ao Sun que o casamento estava acabado. "Não quero o divórcio, mas há motivos sérios para esta ruptura das quais não posso falar", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.