Pacote-bomba explode na Irlanda do Norte sem deixar feridos

Um pacote bomba explodiu na sexta-feira numa agência postal no centro de Belfast, sem deixar feridos, segundo a polícia. Foi o primeiro incidente desse tipo em mais de um ano na Irlanda do Norte.

REUTERS

14 de janeiro de 2011 | 17h13

As autoridades descreveram a bomba como um "dispositivo rudimentar", e se negaram a revelar quem era o destinatário. Ninguém foi preso por enquanto, e não se sabe se a autoria do atentado foi de algum grupo paramilitar.

A Irlanda do Norte vive um período de relativa paz desde o Acordo da Sexta-Feira Santa, em 1998, entre os separatistas católicos e os monarquistas protestantes.

O último atentado grave havia ocorrido em março de 2009, quando dois soldados britânicos e um policial foram mortos numa ação atribuída a nacionalistas dissidentes.

Separadamente, a polícia prendeu na sexta-feira três supostos nacionalistas dissidentes. Na vizinha República da Irlanda, as autoridades continuam interrogando quatro homens depois da descoberta de uma "fábrica de bombas" nesta semana no Condado de Kildare.

(Reportagem de Ian Graham)

Tudo o que sabemos sobre:
IRLANDABOMBA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.