Konstantin Chernichkin/Efe
Konstantin Chernichkin/Efe

Parlamento da Ucrânia nomeia Nikolai Azarov novo premiê

Substituto de Yulia Timoshenko é do mesmo partido do presidente Viktor Yanukovych

Efe,

11 de março de 2010 | 08h38

O Parlamento da Ucrânia aprovou nesta quinta-feira, 11, a nomeação de Nikolai Azarov, líder do Partido das Regiões, para o posto de primeiro-ministro. A favor do novo premiê, candidato da coalizão governista Estabilidade e Reformas, do presidente Viktor Yanukovych, votaram 242 deputados, 16 a mais que o necessário. Azarov, de 62 anos, substituirá Yulia Timoshenko à frente do governo.

 

Em um discurso aos colegas deputados antes da votação, Azarov disse que "o país foi saqueado, os cofres estão vazios e a dívida pública triplicou". Sobre o Orçamento para 2010, ele garantiu que apresentaria um projeto antes de 11 de abril. "A tarefa é aprovar um Orçamento realista, que desbloqueie uma série de problemas: da organização da Eurocopa 2012 até o financiamento das regiões", disse.

 

Segundo a Constituição ucraniana, a escolha do primeiro-ministro fica a cargo da Rada (Parlamento). O chefe de Estado apenas sanciona a nomeação. Nesta quinta-feira, também foram aprovadas a composição do novo gabinete de ministros e as nomeações para os ministérios de Assuntos Exteriores e da Defesa, os únicos ocupados por pessoas indicadas pelo presidente.

Tudo o que sabemos sobre:
YanukovychParlamentoUcrâniaAzarov

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.