Pesquisa aponta vitória dos conservadores no Reino Unido

Segundo estudo, 39% dos que já se decidiram optariam pela oposição, enquanto só 26% votariam nos trabalhistas

Reuters,

12 de março de 2010 | 07h40

Uma pesquisa de opinião online divulgada nesta sexta-feira, 12, mostrou que o partido Conservador, da oposição, está bem à frente do partido Trabalhista, do governo, e a caminho de uma vitória eleitoral.

Segundo a pesquisa Angus Reid, o apoio aos conservadores seria de 39% entre aqueles que já decidiram como votar, enquanto os trabalhistas estariam com apenas 26% desse índice. O partido Liberal Democrata fica mais atrás, com 18%. Foram ouvidos 2003 adultos em 9 e 10 de março.

O apoio ao partido Conservador caiu um ponto percentual em relação à última pesquisa da entidade, em fevereiro, enquanto o apoio aos outros dois principais partidos permaneceu estável. A eleição vai acontecer em 6 de maio

 

A pesquisa de opinião Angus Reid já mostrou outras vezes um apoio menor aos trabalhistas em relação ao levantamento de outros institutos. O estudo contrastando com outras pesquisas que apontam para uma disputada acirrada.

 

Influência

Influenciada pela pesquisa, a cotação da libra subiu ante o dólar. Os mercados estão preocupados que uma eleição inconclusiva possa prejudicar os esforços do país de reduzir sua dívida recorde.

Um levantamento diário do instituto YouGov para o jornal The Sun colocou os conservadores com 37% dos eleitores que já sabem em quem votar, 3 pontos percentuais à frente dos trabalhistas. Sob o sistema eleitoral britânico, esse resultado manteria os governistas como o maior partido do Parlamento, mas sem a maioria absoluta na casa inferior.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.