Pesquisa indica que há 65% de chances de ser formado Parlamento misto

Probabilidade de ocorrer situação de maioria absoluta dos conservadores é de 25%

Reuters

29 de abril de 2010 | 16h18

LONDRES - Economistas e analistas financeiros veem uma chance de 65% ou mais de que o Reino Unido saia das eleições do dia 6 de maio em uma situação de Parlamento misto, aponta uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 29, pela agência Reuters. O índice é 10 pontos superior ao último estudo do tipo.

 

Veja também:

Candidatos se encontram para último debate

 

O crescimento no apoio ao Partido Liberal Democrata após os debates televisionados entre os candidatos dos três principais blocos aumentou as chances de que nenhum partido consiga a maioria absoluta na Casa dos Comuns, forçando alianças entre os grupos políticos para que haja estabilidade e governabilidade.

 

A pesquisa indica que as chances de os conservadores conseguirem a maioria absoluta no parlamento - 326 assentos - está entre 23% e 25%, quando o estudo de 31 de março mostrava um índice de 30%. A probabilidade de um Parlamento misto no atual levantamento é de 65% até 67%. Em outubro, quando foi realizada a primeira pesquisa do tipo, as chances eram de 75% para a supremacia conservadora e apenas 15% para uma Casa dos Comuns dividida.

 

Apesar da queda na probabilidade de uma maioria conservadora, o partido de David Cameron ainda seria o maior no Parlamento, com 41% de chances de isso acontecer. Já as chances de ocorrer uma situação de maioria não absoluta dos trabalhistas, partido do atual primeiro-ministro, Gordon Brown, é de 26%.

 

Atualmente, os conservadores lideram as pesquisas de intenção de voto, com os liberais democratas em segundo lugar e seguido de perto pelos trabalhistas. Nesta quinta-feira ocorre o último debate antes das eleições do próximo dia 6.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.