Franco Castano/AP
Franco Castano/AP

Polícia da Itália prende chefão de clã da máfia napolitana

Antonio Iovine estava na lista dos 30 mais procurados do país

REUTERS

17 de novembro de 2010 | 15h05

NÁPOLES - A polícia da Itália prendeu nesta quarta-feira, 17, um chefe mafioso que estava foragido havia 14 anos e era um dos homens mais procurados do país, disseram fontes no Judiciário.

Antonio Iovine, um chefe da Camorra, a versão napolitana da máfia da Sicília, estava sendo transferido para um lugar seguro, segundo as fontes.

 

Iovine é considerado o líder do clã Casalesi, da Camorra, e seu nome constava da lista dos 30 criminosos mais procurados da Itália.

A captura de Iovine é a última de uma série de prisões de líderes mafiosos efetuada pelas autoridades italianas nos últimos meses.

Tudo o que sabemos sobre:
MáfiaItáliaComorra

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.