Polícia grega entra em confronto com trabalhadores de estaleiro

A polícia grega entrou em confronto com trabalhadores de um estaleiro que invadiram o prédio do Ministério da Defesa em Atenas, nesta quinta-feira, exigindo pagamento que eles afirmam que lhes são devidos.

Reuters

04 de outubro de 2012 | 10h41

Cerca de 250 trabalhadores do estaleiro Hellenic Skaramangas (HSY) forçaram sua entrada no complexo ministerial ao levantarem uma janela e invadiram o prédio entoando gritos de "nós queremos soluções, e não demissões".

O chefe do Estado-Maior do Exército, general Mihail Kostarakos, saiu para falar com os manifestantes, mas foi vaiado e provocado.

O confronto físico começou quando a polícia cercou os trabalhadores e usou cassetetes, conforme mostraram imagens de televisão.

Um homem com o rosto ensanguentado foi mostrado na TV, enquanto outro foi visto sendo arrastado pela polícia enquanto tentava entrar no prédio do ministério.

Os trabalhadores alegam que não são pagos há seis meses porque o Estado grego, que está quase falido, não pagou o proprietário do estaleiro, a Abu Dhabi Mar. A empresa não estava imediatamente disponível para comentar.

Protestos têm aumentado nos últimos dias contra medidas de austeridade que a Grécia prometeu a credores da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional em troca de ajuda para se manter solvente.

(Reportagem de Karolina Tagaris)

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIACONFRONTOESTALEIROS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.