Polícia italiana prende 40 suspeitos de pertencerem à máfia

A polícia italiana informou que prendeu naquinta-feira 40 pessoas suspeitas de pertenceram à máfia, alémde envolvimento na execução de seis italianos na cidade alemãde Duisburg neste mês. A polícia da cidade de Reggio Calabria, no sul do país,disse à Reuters que os presos pertencem à máfia ''Ndrangheta,cujas rixas levaram às mortes na Alemanha. "Nós prendemos 40 pessoas, mas ainda é muito cedo paradizer se aqueles envolvidos diretamente no massacre (deDuisburg) estão entre eles", disse um porta-voz da polícia. Dois dos presos são irmãos de duas das vítimas dosassassinatos em Duisburg, afirmou a polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.