Popularidade de Hollande e de premiê despencam na França

Após quatro meses no cargo, popularidade do presidente cai para 44% de aprovação

Reuters

17 de setembro de 2012 | 18h01

PARIS - O índice de aprovação do presidente socialista da França, Francois Hollande, e do seu primeiro-ministro, Jean-Marc Ayrault, despencaram desde junho, segundo duas pesquisas divulgadas na segunda-feira.

Os resultados refletem a insatisfação popular com a falta de crescimento econômico, com o desemprego que atinge o maior nível em 13 anos, e com uma série de demissões coletivas, que fazem o governo socialista eleito em maio parecer impotente diante da crise.

No orçamento para 2013, Hollande terá de cortar 30 bilhões de euros (39 bilhões de dólares) do déficit público para cumprir metas da União Europeia, e deverá pedir ao Parlamento que ratifique o pacto fiscal continental.

Numa das pesquisas, a popularidade de Hollande está em 44 por cento, o que significa que sua lua de mel com o eleitorado durou bem menos do que no caso do seu antecessor, o conservador Nicolas Sarkozy, que se mantinha acima dos 50 por cento depois de oito meses de mandato, em 2007.

(Reportagem de Nicholas Vinocur)

Tudo o que sabemos sobre:
FRANCAHOLLANDEPOPULARIDADE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.