Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Premiê conservador grego admite derrota nas eleições

O primeiro-ministro conservador da Grécia, Costa Karamanlis, admitiu a derrota nas eleições e deixou a presidência de seu partido no domingo após resultados parciais mostrarem que os socialistas da oposição venceriam confortavelmente.

REUTERS

04 de outubro de 2009 | 18h08

"Eu quero parabenizar (o líder socialista) George Papandreou pela vitória. Como todo grego, eu espero que ele tenha sucesso no grande desafio de lidar com circunstâncias difíceis", disse ele a jornalistas.

"Eu assumo a responsabilidade pela derrota e dou início aos procedimentos para a eleição de um novo presidente do partido."

Com cerca de 45 por cento dos votos nacionais apurados, os Socialistas estavam à frente com 44 por cento contra 35 por cento da Nova Democracia.

Papandreou prometeu cobrar impostos dos ricos e proteger os pobres, enquanto colocará dinheiro em uma economia desacelerada.

(Reportagem de Dina Kyriakidou e Harry Papachristou)

Tudo o que sabemos sobre:
GRECIAELEICOES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.